Foi no meu mês!

Couple Standing in the Seashore Hugging Each Other during Sunset
Feelme/Foi no meu mês!Tema:Revista Blogazine!

Para o António e para a Ana o amor demorara, cansando-os a ambos e forçando-os a voltas e reviravoltas até que se pudessem voltar a tocar, mas desta vez como sonhara ela e até o antecipara ele. Com a primavera veio o amor que se esforçam agora por cuidar, porque já não têm mais momentos para desperdiçar.

Estávamos juntos há poucos meses e seria este o primeiro aniversário, o meu, em que iria ter quem sempre antecipara. Sou do signo de gémeos e o mês de maio já significa MUITO mais do que antes. Passáramos meses, longos e desesperantes, a falarmos de nós e de tudo o que nos voltara a reunir, desta vez numa relação amorosa. Sempre que te via, ainda menina, nunca arriscava querer-te demasiado, porque estavas num patamar muito alto e eu não gostava de tombos, não dos que magoam a alma. Eras determinado, tal como te revelaste hoje e deixavas as mulheres caídas por ti. Mas porque diabo iria uma pirralha interessar-te?

A vida por vezes tem contornos bem curiosos e nós somos o exemplo vivo. Trinta e quatro anos depois acabamos apaixonados, de forma irremediável e assustadora para ambos. Estando tu longe, cada palavra e sentimento eram vividos com uma pressa compreensível porque carregava uma perda de tempo, de lugares que até chegámos a cruzar e de vidas multiplicadas, mas que subtraímos até regressarmos ao mesmo sítio.

O dia foi envolto em ti e contigo por perto, meigo, carinhoso e atento aos meus desejos e sonhos, mas na verdade todos eles passam apenas por ti. Fomos só nós durante um final de semana que nos soube ao sabor que têm os que se amam com urgência e pela primeira vez, o soprar de velas seguiu-se a um pedido, genuíno, de apenas um desejo e a cumprir-se eu serei bem mais do que sou hoje, porque te tenho, porque me viste, finalmente e porque amar-te, sentindo que me amas de volta, compensa o que ainda não tivemos.

- Feliz aniversário mulher da minha vida.

Tudo o resto fomos nós, como já sabemos…



You Might Also Like

0 comentários