Parece que estou mais velha. Pois!

Landscape Photo Of Green and Red Balloons
Feelme/Parece que estou mais velha. Pois!Tema:Me!

Mais 1 ano e este passou a uma velocidade assustadora. De repente estou mais velha e atravesso, como se estivesse numa outra dimensão, tempestades, mas pareço sobreviver a cada uma.

Parece que estou mais velha, não que o sinta fisicamente, mas o emocional começa a acusar a pressa e a energia com que sempre fiz tudo. Decidi que quero sossegar-me, porque preciso de mais tempo para me regenerar. Agora procuro a qualidade. As pessoas verdadeiramente importantes na minha vida. Quero mais em menos tempo, porque não quero perder nenhum sem que me sinta plena. Quero um amor que me afogue num prazer que só poderei retribuir. Quero tudo do muito que ainda me falta receber.

Parece que estou mais velha, é o que me diz o cartão que me identifica, mas não me diz muito mais, o resto vou ter que ir descobrindo sozinha porque algumas etapas são muito difíceis de superar, no entanto são essas mesmas que nos fazem crescer. É o que dizem, certo? Pode até ser, mas havia necessidade de ser tão difícil? Eu sou das que não precisa de aprender nada à paulada, basta que me expliquem, de preferência por palavras e nem são precisos bonecos, já tenho imaginação que chegue.

Parece que estou mais velha, certamente que os meus filhos o confirmam, porque agora já se queixam do meu stress sempre que estou a ser testada. Nunca antes o demonstrei, mas a minha fragilidade, porque também a tenho, já é visível e nem sei como a esconder, não deles. Sei que os assusto por vezes e que o esforço para me sossegarem vai fazendo com que também eles cresçam, porque a verdade é que a mãe é humana e cheia de falhas. Cada vez confio mais em mim, mas cada vez sinto menos confiança, culpa deste meu profissionalismo exacerbado, coisas de mulher com demasiado na cabeça.

Parece que estou mais velha. É um facto, mas quero que a idade me vá trazendo mais do muito que acredito ainda vir a ser. Estou aqui com um propósito e mesmo que me sinta sozinha, sei que não o estarei assim tanto, porque de cada vez que me atrevo a estender a mão, alguém a segura e encaminha-me para onde quero ir.

Enquanto não chega mais 1, quero poder viver este plenamente, sendo eu, sempre e até que me continue a reconhecer como a mulher que faço por ser!

You Might Also Like

0 comentários

Verdades!