Qual é o medo que a perda provoca?

Gray and Black Vast Smoke on the Air
Feelme/Qual é o medo que a perda provoca?Tema:Sentimentos!

Quem nos está ligado, por sangue e crivado com ferro quente na alma, não nos pode ser arrancado. Por vezes deixo-me levar pela lamechice e acabo a sofrer de algo que deve ser equivalente ao sindrome de abstinência, porque o meu corpo estremece sem que o consiga controlar, perante o medo que se apodera de mim. Quem temos como parte de nós, está tão naturalmente em nós que se os perdêssemos, perder-nos-íamos para sempre.

Qual é o medo que a perda provoca? Um que não se consegue explicar nem quantificar e são tantos os que se perdem, irremediavelmente. A irracionalidade apodera-se de nós e o sangue passa a circular ao contrário. Não sei ao certo o que conseguimos controlar, mas sei com toda a certeza que controlamos tão pouco, que se o pensássemos, viveríamos em constante sobressalto. Há tanto que nos pode acontecer, levando-nos o que nem sabemos ter, mas que poderá ser a nossa prisão perpétua.

A perda de amores dói e corrói, mas é ultrapassável e acabamos sempre por sobreviver ao que nos leva. A perda de quem nos pertence, porque é mesmo nosso e vem de nós, não se apaga, não se contorna e não se remedeia. As marcas serão para sempre visíveis e nada a conseguirá superar, nem mesmo feridas abertas de onde escorra sangue vivo.

O medo que o medo da perda me provoca nunca mais me deixaria dormir se o deixasse instalar-se, por isso quero que se afaste, porque já o reconheci e admiti que lhe sou vulnerável. Ele que me deixe ser assim, uma positiva convicta e uma animada crónica. Ele que nem se atreva a mostrar-me ao que sabe, porque me basta sabeer o que me provoca...

You Might Also Like

0 comentários