Papel em branco!

by - junho 08, 2017

blank, bloom, blossom
Feelme/Papel em branco!Tema:Sentimentos!

Nem sempre as palavras saem, não como queríamos, dizendo, em pouco tempo, o que for importante e chegando, certeiros à única pessoa que realmente nos importa!

O que se faz nessas alturas, o que se consegue pensar e arrumar e de que forma? Tanto que ainda temos para aprender, tantos caminhos para percorrer, manhãs e noites a nascerem e a fecharem ciclos, repondo-os nas horas seguintes e fazendo com que nada do que possa ser parado pare. Nunca parecemos saber o bastante para não errarmos, sinto que estamos sempre em modo ensaio e que a cena que tanto nos empenhámos em representar, poderá até nunca chegar, ou a acontecer já teremos esquecido as falas e o problema é que não somos todos bons a improvisar.

Sei, ou vou sabendo, que apenas me resta ir tentando. Resta-me continuar a querer saber o que é importante, quem e por onde deverei recomeçar de cada vez que termine. Estive um par de horas a olhar para a folha de papel em branco, tentando perceber de que forma a preencher com o que falar de mim, deixando-me em pedaços que valham a pena e percebendo, no fim, que me fiz justiça e que continuei a ser quem afinal pareço ainda estar a conhecer, mesmo que seja quem me conhece melhor.

Estou a começar a perceber que, por vezes o papel em branco dirá bem mais do que eu serei capaz com tantas palavras, por isso nem sempre o preencho, agora já aceito que o nada, os silêncios e o encolher de ombros, poderão servir tanto quanto o empenho que coloco no que quero ver explicado e esmiuçado até à exaustão.

Hoje o papel que deixo em branco, reflecte bem mais de mim do que mil palavras...

You May Also Like

0 comentários

Como terminam os meus dias?