És terra e fogo!

action, active, ash
Feelme/És terra e fogo!Tema:Sentimentos!

Foi logo pela manhã que uma querida amiga me falou, apenas para saber de mim, tão pouco habitual nas minhas rotinas, que passam por norma por aceitar os outros que dei comigo a gaguejar, sem saber muito bem ao que responder à pergunta insistente - "como estás, tudo bem contigo"? - apenas isto, numa insistência e ênfase sobre mim, que fiquei desarmada!

Ela entende este meu percurso de me fazer e mostrar de forte. Entende a minha aparente aspereza e pouca disponibilidade emocional, porque na verdade o meu percurso é de trabalho e concretizações, eu tenho que fazer acontecer sempre e todos os dias, sem qualquer repouso, porque se me encostar, nada acontece, ou pior ainda, para e desmorona.

- És terra e fogo, minha amiga. Passas o tempo com os pés sempre na terra, para ver o que precisas, para estares onde de ti necessitam, e és o fogo que faz acontecer e que movimenta. O que te falta é a água para amoleceres, para te entregares, para estares disponível e poderes deitar a cabeça e relaxar.

Sem os embelezamentos, para os que me rodeiam e pouco sabem de mim emocionalmente, torna-se difícil aceitarem a minha capacidade de responder a tudo, de nunca dourar a pílula, de chamar os bois pelos nomes e de ser prática e incisiva. Tomam-me por dura e áspera e às tantas até o sou, mas não tenho tempo para sorrir se me apetece ralhar, nem para assentir com a cabeça, quando é um NÃO veemente que me sai.

- Precisas de alguém com inteligência emocional, de um parceiro com força e estabilidade emocional, para te conferir confiança.

Pois, até aí já eu cheguei, o pior é que nem com anúncios lá vou, assim que me confrontam, fogem com ambos os pés - "Irra que a mulher é áspera".

Vou tentar inverter os percursos por mim mesma, se cheguei até aqui, com toda esta força, então também devo conseguir adoçar-me, encontrando forma de ser mais suave, mais água, menos crítica e mais tolerante. Se eu me impuser a tarefa, acredito que a completarei. Assim pode ser que o dito cujo já não sinta receio de se aproximar. Who knows!És terra e forgo!