Quando nos começamos a conhecer realmente?

Resultado de imagem para mulher poderosa
Feelme/Quando nos começamos a conhecer realmente? Tema:Sentimentos!
Imagem retirada da internet

Quando nos começamos a conhecer realmente?  De que forma o fazemos para que o outro passe a fazer parte de tudo o que temos e somos?

Recomeçar em idade adulta, numa fase em que já provámos todo o tipo de sabores, em que fomos e viemos em viagens mais ou menos longas, mas que foram deixando marcas, que nos deixaram a desejar mais, ou a querer fugir para um buraco bem abaixo do solo, onde nada nem ninguém possa entrar para nos perturbar, complica tudo.

Já trazemos tantos medos, tanta desconfiança, que duvidamos até do que é bom, achando que é demasiado e que não tem como durar. Todos à nossa volta vivem para nos tranquilizar, para dizer que pode correr bem, sim, e que precisamos de saber arriscar, sobretudo a receber sem questionar. Devemos dar na mesma proporção, evitando querer galgar passos que terão que ser percorridos, não antecipando o que não sabemos como terminará, se terminar de todo.

Onde foi que ficou a minha inocência e todos aqueles anos em que apenas sentia e em que amava com a intensidade dos condenados?

Para onde fugi eu, do que me escondi afinal e porque deixei de apenas aceitar, de receber e de viver enquanto a vida me envolver?

Gostava de conseguir "aligeirar" e de relativizar tudo? Gostava de apenas ouvir, escutando realmente, entendendo cada palavra e aceitando que se me querem é porque faz sentido. Gostava de me permitir sonhar, sem intervalos, apenas indo, usando, usufruindo, tendo para dar. Gostava que me conseguisses, tu, convencer de que posso, e que não preciso de cuidar de tudo, porque farás a tua parte e estarás para mim, sempre que o pedir, e sobretudo quando não o conseguir fazer. Gostava de saber amar sem limites, outra vez, sem barreiras, sem quês e porquês, apenas sendo eu, e permitindo que o fosses também tu, 

Quando e como poderei voltar a mim, a aceitar que entres inteiro e te mostres sem medos, para nos juntarmos até que se nos seque o desejo ou se nos apague a chama?