Quando sentes que estás finalmente pronta!

beautiful, beauty, black-and-white
Feelme/Quando sentes que estás finalmente pronta!Tema:Sentimentos!

Quando sentes que estás finalmente pronta, nada te poderá parar, se o que desejaste foi bem delineado e construído!

Já preparei a terra há algum tempo. Acabei a deitar as sementes e depois percebi, que no tempo certo iria colher. Por vezes não temos consciência, pelo menos não diárias, de que estamos sempre a avançar na direcção certa, mas a verdade é que quando temos foco e objectivos, sentimos que apenas poderia ser desta forma.

Sou oficialmente corajosa e sinto, agora mais do que antes, que cheguei onde me propus e que agora tenho apenas que continuar. Senti que estava pronta, quando cada plano me entrou nos ossos e me trouxe um prazer e uma sensação de conquista que ainda não sei pôr por palavras. Estou, finalmente, pronta e quem movimenta o meu Universo, sente-o e responde.

Por vezes entregamos demasiado de nós e do que queremos conquistar aos outros, esperando que nos consigam, de mansinho, mas com consistência, "empurrar". Mas desengana-te se julgas que alguém te dará colo, ou te levará pela mão. Cabe-te a ti superares-te e quando quiseres algo bem feito, fá-lo tu, é uma regra simples!

Estou pronta sim, consigo senti-lo, mas acreditem que levou o seu tempo, não nasceu do nada e sobretudo não caiu do céu. Dá, obviamente, um outro gozo perceber que as minhas mãozinhas estiveram em cada construção e que fui eu a pensar e a querer fazer acontecer.

Estou em constante formação, num crescimento emocional que já superou o físico, mas estou, sobretudo mais consciente do que consigo fazer e ter, se o desejar com força. Agora que venham as pessoas certas, que se cimentem as relações que andei a construir e que se abram as portas seguintes, porque as que fechei foi a 7 chaves e ninguém terá como as abrir. O poder estará sempre em quem sabe o que fazer e como. Aos outros restará passearem-se por "aqui", à espera que os dias corram não muito diferentes dos anteriores. Esses já morreram há muito, só que ainda não o sabem!