Tentar que seja na dose certa!

adult, business, close-up
Feelme/Tentar que seja na dose certa!Tema:Sentimentos!

Andamos todos a tentar que seja a dose certa, os das segundas e terceiras relações, posso até ser mais generosa e falar também das quartas, mas pronto, já chega porque vocês entenderam. Voltando ao princípio, reitero que quem está a tentar recomeçar, debate-se com imensas dúvidas e talvez a maior delas seja a de tentar que a forma como amam seja na dose certa!

Como nos devemos dar e o que devemos esperar do outro? Estaremos a exigir demasiado, ou simplesmente parecemos não ter interesse suficiente? Será que nos querem mais vezes e mais tempo, ou pelo contrário precisam de se resguardar de nós?

Sabem porque tudo isto continua a acontecer?

Porque simplesmente, temos receio de falar o que nos vai dentro. Achamos, não sem alguma razão, que quanto mais nos expomos, mais vulneráveis ficamos e mais passíveis de sermos magoados. Mas se nos mantivermos nesta linha o futuro avizinha-se muito negro. O nosso olhar desconfiado, perante a vida e os outros, está a deixar-nos tão cautelosos, que acabaremos inevitavelmente sozinhos, com as noites a serem cada vez mais longas e com os dias a correrem para lugar nenhum. Para os que tiverem filhos, sobrar-lhes-ão as migalhas de tempo que lhes puderem dar, esperando pelos risos, numa casa outrora sempre cheia pelas conversas e pelo que os fará querer continuar por aqui. E quanto aos outros, aos que escolheram legitimamente um rumo diferente, o que lhes restará?

É importante que saibamos estar sozinhos, mas a solidão forçada e auto imposta, custar-nos-á bem caro na velhice, Abram-se mais por favor. Esqueçam quem vos magoou, arrisquem e apostem forte na lotaria da felicidade. Não se mantenham para lá dos que vos podem muito bem mudar a vida, para melhor. Procurem e certamente que acharão.

Por vezes, ao tentarem que seja na dose certa, passarão da medida, ou pior ainda,  ficarão bem aquém do que precisava o outro, levando-o a desistir!