Assim quem é que aguenta?


adult, alone, feeling
Feelme/Assim quem é que aguenta?Tema:Contos!
Imagem retirada da internet

Após uns bons 2 anos juntos, em que partilhámos gargalhadas, jantares românticos, noites e dias de wild sex, descobri que não sabia nada de ti!

Afinal és um garanhão, não te basta uma mulher, no way, para um homem como tu, talvez tenham que vir às dúzias, aos bandos, sei lá eu.

Eu senti-te mais distante, menos empenhado, mas desculpavas-te com o stress do trabalho, com as viagens que continuavam a aumentar, e eu ainda te cuidava mais, e fazia com que os poucos momentos, que agora íamos tendo, fossem sempre bons, mas pairava algo no ar, o meu interior lamentava-se, gritava-me...

No dia 22 de Julho, dia de calor tórrido, e de um jantar com a Sara e a Tatiana numa esplanada na capital, eis que te vejo sair do carro e abrir a porta, solícito, a uma elegante e vistosa mulher. Alta como tu, de longos cabelos loiros, roupa de griffe, muito descontraída e parecendo ambos, que já se conheciam há décadas.

Quando te aproximaste e me viste, o teu ar não foi de desconforto, mas talvez de alívio, agora eu já poderia entender a razão do teu afastamento.

- Olá Lara.
- Olá Rodolfo, tudo bem contigo?
- Tudo, vamos jantar, está insuportável em casa.

Vi-a sorrir de ar confiante e a proximidade de ambos era evidente. Consegui não me desmanchar, e após se ter afastado, só a solidariedade das minhas amigas permitiu que eu não desatasse a fugir rua fora.

- Calma Lara, respira fundo, tu és uma mulher forte.

Como sempre, é mais fácil falar do que fazer ou sentir, é claro que vou sobreviver, mas pensando sempre no porquê, nos sinais que não identifiquei, no que terei, ou não, para que não o consiga bastar, satisfazer.

Assim é difícil aguentar!