Parar ou não?

Quando é que vou aprender a parar, a sossegar, a não necessitar de tanta adrenalina para estar bem?



Canso-me a mim mesma por andar sempre à procura de mais, de movimento, de coisas novas, de me preencher e descobrir, e não sei como reduzir a velocidade.

Não deveria estar agora a dançar nas nuvens?
Não deveria estar a aproveitar todos os minutos para relaxar, gozar do sossego?

Às tantas devia mesmo, mas não consigo, a porra é mesmo essa, não tiro qualquer prazer no ócio, deixa-me com pele de galinha, chata, impossível de aturar. Gosto de ter que ler 2 ou 3 livros enquanto faço um milhão de outras coisas, em vez de os ler tranquilamente, de perna estendida. Corro quando não tenho o suficiente para fazer, que me ajude a queimar as energias e já agora, as calorias também, dá algum jeito.

Pronto, agora já sabem, quando eu disser que parei, ou enlouqueci, ou adoeci gravemente, mas que gostava de ser mais serne, gostava!


0 comentários:

Enviar um comentário

Atualizações do Instagram

Subir