Lágrimas...


Que rolam teimosas, que não consigo suster, apenas por me recordar da primeira vez em que vi e me encontrei com o teu olhar...



Julguei que já não existisse mais amor para sentir, outro amor para receber num coração que me deixava, aparentemente, completa, mas a primeira vez que te senti,  tão perto de mim, deixando que tudo o resto não importasse, que o mundo se esfumasse e o que eu era antes não importasse mais, tudo iria passar a girar em torno de ti, contigo, numa constante vontade de te ter tido, de ter lutado pelo que eu entendia ser o mais certo, o possível, o que me iria trazer de volta a mim, como eu já fora antes, bem antes de me teres mudado. 

A terra passou a girar ao contrário, o chão ficou inseguro, os meus passos arrastavam-se agora, sempre que o destino não era para te olhar, para tentar encontrar a segurança de te gritar que és tu sim, mesmo que duvidasses por me quereres tanto também. Eu senti o teu coração e estava tão perto do meu, batia ao mesmo ritmo e sempre que falavas olhavas-me bem dentro, aproximavas a tua boca da minha quase sem te conseguires controlar.

As minhas lágrimas hoje são de arrependimento, de dor perante a minha fraqueza, pela falta de coragem em te trazer até mim. Há coisas que se conseguem sentir, sabores que se antecipam muito antes de os termos nos lábios, na boca, na língua. Existem sentimentos que estarão apenas guardados e que quando nos permitimos soltar tudo passa a fazer sentido. Eu sei que se não te procurar, se deixar que esta vida me consuma, terei que esperar por não sei quantas mais para te voltar a ver e é por isso que as minhas lágrimas rolam, hoje e me sinto dorida e amarga. Vou ter que te procurar, saber de ti, tocar-te, sentir-te.

 Preciso da tua voz, do som da tua voz que me entrava tão dentro, que me percorria o corpo e me deixava VIVA, pronta para ser a mulher que eu sei que consigo. Preciso de ti tanto que nem me sinto mais, que mantenho a sensação de apenas sobreviver e de estar à tua procura em cada rosto, olhar, quero deixar de ter a face molhada com as lágrimas de uma dor bem maior do que o amor que te tenho!

0 comentários:

Enviar um comentário

Atualizações do Instagram

Subir