Dia da Mulher!

De todas nós, e nem eu poderia "fugir" de escrever sobre isto!



O meu blog foi criado com a finalidade de passar emoções no feminino, e tanto que eu piso e repiso nas Mulheres, no modo como pensam, sentem, exageram e sonham. Na sua resiliência e capacidade infindável, de amar, sobretudo quem não as ama, (deve ser por isso mesmo).

Falo tanto nas Mulheres, usando imagens que nos caracterizam, e é TANTO, que até já me perguntaram se sou lésbica. IRRAAAA!! Não tenho nada contra quem o é, mas não me rotulem, indevidamente, afinal de contas, se falo muito de nós, e do nosso Universo, é tão somente com a intenção de nos dar a perceber, de partilhar sentimentos que serão comuns a todas nós, ou à grande maioria, de aliviar alguma da já pesada carga que por norma carregamos todas.

Ser Mulher não é apenas amar, ou desejar sê-lo.
Ser Mulher é carregar vários mundos, neste que ainda falha em nos entender.
Ser Mulher é nunca parar de pensar, mesmo que o desejássemos, desesperadamente. Só que fosse uma hora por dia.
Ser Mulher é adormecer a tentar resolver, e acordar já com a solução, porque nós não nos refreamos, nunca desistimos e acabamos a chegar sempre a algum lado.

Agora um pequeno parêntesis, para os que já estão a bracejar. Eu sei que existem Mulheres e Mulheres, e que algumas deixarão muito a desejar, mas meus queridos, as excepções não confirmam a regra, e se escolheram mal, your fault!

Ser Mulher é dar vida, construindo-a desde o primeiro teste positivo, e nunca mais cessando de a acompanhar. Quem tem o privilégio de ser Mulher a dobrar, ou seja, também Mãe, sabe do que falo, sabe que para este tipo de amor, só poderíamos ser Mulheres para o estender, porque o multiplicamos e recebemos como se fosse o próprio ar que respiramos.
Ser Mulher é ter tido a capacidade de evolução e de adaptação, porque era necessário, para a nossa sobrevivência e para a continuação da humanidade, porque é em nós e connosco que tudo começa, e não é invulgar ouvirmos dizer que a Mulher é o pilar da casa, porque o é mesmo. Garanto que não terá sido a pedido da primeira Mulher, que nos deram esta multiplicidade de sentimentos, a capacidade de abarcar tudo num só corpo, processando o que é mau e o que é bom, com o mesmo coração e mantendo-o a funcionar.

Eu poderia ficar aqui, toda a manhã, a dissertar sobre este "bicho" cada dia mais raro, e não se me acabariam os adjectivos, mas mesmo sabendo, não fosse eu Mulher, que nem tudo o que reluz é ouro, também sei que somos mais do que menos, que conseguimos dar muito mais do que recebemos e que connosco, se poderá sempre contar. Comigo sei que podem, para o bem e para o mal, porque eu faço questão, de a cada dia, ser mais Mulher do que aquela que me ensinaram a ser, e isso é o que me preenche e me dá forças para continuar. Estou pronta para aprender, para fazer melhor, para dar aos meus, a todos quantos amo, o que eu tenho numa reserva inesgotável, Amor, Amizade verdadeira, Cuidado com o outro,  Tempo e por fim, mas não menos importante, Palavras, essas nunca se me acabarão, porque a acontecer, acabaria eu também.

Para todas as Mulheres, desejo que se vão lembrando de cada uma de vocês, a cada dia de todos os anos, que vos cuidem, que vos amem com a mesma entrega e que vos saibam manter, porque no final beneficiaremos todos, eu e vocês sabemos que é verdade!