Amar devagar!


Feelme/Amar devagar! Etiquetas: Relações!



Amar devagar! Diz o Pedro Chagas Freitas, no livro "Prometo Falhar"!

Acho que tudo passa mesmo por aí, pela nossa capacidade de aprendermos a amar o outro numa velocidade mais lenta, a um ritmo que permita a descoberta, o encaixe e o arrumar de casas. Passamos, e gastamos demasiados minutos, à procura de respostas que nem sempre poderão chegar quando o entendemos nós, ou parecemos precisar.

Amar devagar quem escolheu amar-nos, dando-lhe espaço para nos incluir e esperando que possa realmente ficar, após ter entrado.
Amar devagar quem nos deve explicações a questões que nos chegam de bem dentro, que parecem querer rebentar, que têm pressa, mas que poderão esperar, se pelo menos esperarmos nós.
Amar devagar para sentir, saborear, para usar as palavras com cuidado, sendo o sossego, o colo, a pele que nos falta, o outro lado do nosso melhor lado.
Amar devagar para que nos amem intensamente, para que percebam que sem nós não faz sentido, que somos quem escolheram e precisam para continuar. Amar devagar para acordar a cada dia mais plenos, sem mágoas, inteiros.

Estou a aprender a esperar, a amar quem já me amou de volta, tanto que não poderia ter duvidado, não deveria. Estou a aprender, a cada dia, que não poderia ter sido de outra forma, que eu até já esperava tudo a que tive direito. Estou a aprender a não me culpar pelo que dei, sem pedir nada em troca, apenas amor. Estou a desacelerar, a cuidar de mim, a focar-me nos objectivos que tracei e depois sim, quando os planetas se voltarem a alinhar, estarei pronta, aqui e eu!