19.11.16

Escolhi-me!


“Some people feel the rain, others just get wet.”:
Feelme/Escolhi-me! Tema: Me!
Imagem retirada da internet


Acordei interessada em saber o que quero, exactamente, para mim, o que espero da vida que vou escolhendo, até onde estou disposta a ir e como posso aprender a ceder!

Sou um ser, por norma, de cabeça demasiadamente feita. Quero assim, porque sim, e raramente me demovo, isto porque me cansei, a dada altura do meu percurso. De acenar sempre positivamente. De concordar, mesmo discordando e de permitir que escolhessem por mim. Tudo o que escolher fazer, ou deixar de fazer, terá reflexos em mim primeiro, então por que carga de água deverão os outros entrar nesta equação? Não vivemos numa ilha, é um facto, mas somos a pessoa mais importante desta missão. Ponto final!

Não fiquei amarga, nada disso, aprendi apenas a usar a palavra mais difícil de proferir, o NÃO!

Querem que vos diga algo muito importante e básico? Se não forem capazes de viver esta vida, a única que têm na realidade, a serem e a fazerem o que vos der prazer, que pena tenho de vocês. Isso é o equivalente a fazermos um bolo maravilhoso, o nosso favorito e a nunca comermos sequer uma fatia e olhem que o exemplo até é dos mais suaves, mas posso usar um mais forte a ver se me entendem e se vos faz luz:

Para os homens que são mais visuais. Estão com uma mulher, aquecem-na bem, lambuzam-na com beijos e carinhos e quando ela estiver mesmo pronta, levantam-se e dão lugar ao outro. Que tal? Pois, é exactamente isso que estão a fazer com a vossa vida, a não saborearem o melhor...

Pela parte que me toca, a minha lista  não está a diminuir. Cada dia descubro e desejo mais do mundo, dos outros e de mim. Cada dia vou acrescentando pedaços de descobertas que me tornam mais positiva e feliz. Cada dia quero mais de mim e dos que me rodeiam, porque para permanecerem, terão que me deixar mais completa e feliz.

Garanto-vos que é um percurso bem mais fácil do que parece. Para mim bastou que me interessasse, verdadeiramente, por quem sou e pelo que espero deste pedaço de mundo!

Publicação em destaque

Finais que sabem a recomeços!

Somos o fruto das nossas escolhas, até das que adiamos. Somos os lugares por onde passamos e cada uma das pessoas que nos marcam, mes...