Não são estatísticas!

Feelme/Não são estatísticas! Tema: Sentimentos!
Imagem retirada da internet




Não são estatísticas, é o tal do "retorno". O que dás, recebes de volta. A SÉRIO?

Agora vão-me perguntar vocês -  quando foi que eu dei mentiras, quando foi que usei os outros, quando foi que ocultei o mais importante, e quando foi que disse que amava sem saber o que significava a palavra e o sentimento? Never! Nunca!

Então como é que se explica?

Pois, não explica! Vive-se, recebe-se, simplesmente porque nos pomos a jeito dos mal amados, os que não sabem muito bem, para que lado deverão estar voltados, porque as balas virão de qualquer das formas.

Tanta gente a queixar-se do mesmo. Tantas que quase passo a acreditar que não é possível, que o melhor mesmo é ficarmos na concha, cheios de egoísmo, olhando sempre e só para nós e nunca levantando a cabeça para os que estão à volta, porque a única maneira de nos protegermos, é magoando, mas quem não se aguentar...

NÃO! Felizmente muitas pessoas recusam-se a viver assim. Eu sei que me recuso e é o que passo aos que me confidenciam as mágoas que os atormentam, porque um dia o que sentem será sentido. O que desejam virá na forma de uma pessoa que se preocupa e que as quererá por perto. Não desistam por favor, mesmo que com várias provas em contrário, a outra metade de nós existe, só ainda não nos encontrou, por distracção, ou porque não chegou a altura. Ter o coração preenchido com os sentimentos certos, continuar da forma que já percebemos ser a certa, dará frutos, e se eu acredito, vocês também podem.

Não quero fazer de advogada do diabo, mas a verdade é que tudo é importante, o bom e o mau. É de tudo isso que nos construímos e talvez se deva acreditar nos que já por cá andaram mais tempo e testaram. Se dermos teremos de volta, pronto, que seja, mas que não demore, por favor, é que já começa a cansar!