Solidão!

#despertar Uma pessoa que começa a sentir o sofrimento da vida está, ao mesmo tempo, a começar a despertar para realidades mais profundas, mais verdadeiras. Pois o sofrimento esmaga em pedaços a complacência de nossas ficções normais sobre a realidade e nos força a nos tornarmos vivos num sentido especial, a ver cuidadosamente, a sentir profundamente, a tocar-nos a nós mesmos e aos nossos mundos de maneiras que até então evitávamos. ~ Ken Wilber:
Feelme/Solidão!Tema:Sentimentos!
Imagem retirada da internet

Por vezes a solidão não passa apenas por não ter um ombro, um colo que nos resguarde da vida lá fora, e que impeça o frio de tomar conta de nós. A solidão é uma sensação, ou um estado que poderá até mudar amanhã. Quando a solidão na alma se instala, as pessoas permanecem sem que as possamos tocar, porque se deixaram vazias por dentro.

Não entendo quem escolhe o vazio. Não tenho forma de sentir como será um dia sem conteúdo. Sem vida. Sem planos nem sonhos. Nunca vou aceitar os que desistem da felicidade, perseguindo fantasmas e martirizando-se pelas escolhas conscientes. A solidão dos acompanhados deve ser bem mais dolorosa e são tantos que eventualmente acabarão qual mortos-vivos, assustando de morte todos os outros.

A minha criatividade permite-me entrar em muitas peles e criar uns quantos cenários, mas nunca serei capaz de aceitar o vazio e a inércia. Nunca me identificarei com os que desistem de si mesmos, afundando-se na falta de amor que criaram, talvez por serem incapazes de amar.

Qual é a tua desculpa para aceitares que te roubem o sorriso? Qual é a tua desculpa para a solidão que te auto infliges? Qual é a tua desculpa para não mandares na tua própria vida? Certamente que terás imensas, mas estou certa de que quando te ouves, não acreditas em nenhuma. Shame on you!