Não estar só!

alone, boulders, idyllic
Feelme/Não estar só!Tema:Sentimentos!

Não estar só. Poder ter a tua voz ao acordar, logo que o dia começa, é o que me faz avançar e conseguir segurar todas as pontas que mantenho soltas. Não estar só significa ter alguém que mesmo estando do outro lado, mude tudo. Alguém que segure os silêncios ou que os apague fazendo-nos rir, falando do que nos agita por dentro, ou simplesmente partilhando palavras que nos sosseguem a alma.

Estar só será um estado interior, porque até podemos ter um mundo em volta, mas sentir um vazio que nos impeça de funcionar em conjunto, falando de forma automática e usando, tal como o faço eu, as palavras certas para que ninguém me questione. É desta forma que acabam a achar que está tudo no lugar certo, não conseguindo sequer perceber o quão agitada e incrivelmente desesperada me encontro.

Não estar só tendo quem venha quebrar o que me deixa quieta,  preenchendo algum do meu espaço, mas não demasiado, para que me permitam escolher como e com quem possa ser apenas eu. Não estou só a maioria das vezes e até quando sinto a solidão de forma quase animal, tenho que ser sempre eu a resolver-me, porque a mim só mudo eu mesma. É solitária esta forma de estar, eu sei, mas não concebo outra, apenas porque não resulta. Não estar só serão momentos partilhados, sentidos e desejados. Não estar só seria ter-te a ti, porque o escolhi sentir assim, não porque possas ou saibas como apagar chamas que até a mim me queimam por dentro, mas porque ter-te seria meia vontade para não te sentir a falta, se ao menos conseguisses ser quem preciso.

Estou só não por que não te tenha, mas porque percebi que contigo nada de mim ficará preenchido na totalidade. Mas afinal, que maior solidão existe do que esta?