Outono na alma!

autumn, fall, forest
Feelme/Outono na alma!Tema:Sentimentos!

Até podes estar, down, de outono na alma, mas ainda assim capaz de continuar e de aceitar o que não te chega. Por vezes as músicas são de inverno, mais quietas, deixando-te com pouco pelo qual te moveres, mas ainda assim capaz de dançares.

O outono tem cheiros e cores que nenhuma outra estação iguala e com ele vem a renovação, talvez por isso o sintamos assim com a alma um pouco mais carregada. As folhas, de vermelho ouro, iniciam o que o verão terminou. O calor. A esperança. Os dias longos e a vontade de ir mais longe e de adormecer mais tarde. Podes estar de outono na alma, mas o que não podes é desistir.

Quando os dias forem menos brilhantes, usa-os para reavaliares quem és e o que esperas de ti, primeiro de ti para que possam chegar todos os outros. Quando e sempre que não fores capaz de te rires, sorri, mesmo que para dentro e entende que sentirás sempre mais do mesmo que sentires agora. Quando estiveres sem palavras, usa o olhar e sê tu mesma, quem te amar saberá o que ler e como. Quando não tiveres um nome para repetir, um que faça sentido, continua a tentar. Mantém a procura de quem te possa deixar de primavera na alma e rapidamente o outono se extinguirá.

Não fiques de outono na alma demasiado tempo, aprende com o que te fará crescer e avança, porque nada na vida fica parado demasiado tempo!