Eu sei o que tens pedido ao Pai Natal!

Resultado de imagem para dear santa


Eu sei o que tens pedido ao Pai Natal, mas ele não te deu, porque será?


Quem é que te conhece, o bastante, para te poder inundar das pessoas certas? Quem sabe afinal do que precisas? Quem vê, para além do futuro, se elas poderão ou não ficar?

Não reclames do que não te deu o Pai Natal, porque ele sabia o que estava a fazer. Nem todos os presentes que chegam bem embrulhados, trazem dentro o melhor e o esperado. Não olhes para o exterior, não te iludas com o que pensas saber dos outros, e não te desiludas de cada vez que se revelarem, porque cada um tem o que lhe cabe e nem tu o poderás mudar.

Pediste ao Pai Natal um amor que ficasse, alguém que soubesse do que és feita antes mesmo de te tocar. Pediste um coração gigante, puro e capaz de amaciar o teu. Pediste o que sabias que nem o pobre do Pai Natal te iria poder dar. Porquê? Porque como tu não há, porque a tua versão masculina não existe, porque a metade de alguém é apenas isso e nunca se poderá juntar à tua inteira.

Espero que saibas o que pedir este Natal e que se a neve não te chegar, até porque já não lhe tocas há algum tempo, então que seja sol, muito sol, tanto sol que te derreta as mágoas e te lave a esperança.

Pára de pedir, e encontra. Vai à procura do que sempre te importou, nem que seja no pólo norte.
Pára de esperar que as palavras curem quem está doente, porque elas apenas agitarão fraquezas. Pára de te imaginar no futuro de alguém, e mantém-te tu, no teu, como só tu consegues.

Eu sei o que tens pedido ao Pai Natal, até porque estava lá quando o fizeste. Não parece ter adiantado, pronto, outros virão, seguidos de muitos carnavais, envoltos em tudo o que alguns verões ainda serão capazes de reconstruir!

0 comentários:

Enviar um comentário

Atualizações do Instagram

Subir