Contigo ao acordar posso ser eu...

woodlands wanderlust landscape travel sky beach hike Forest Most Beautiful Nature Photography organic adventure the wild evergreen fall autumn fog hippie boho bohemian black and white silhouette photo fog spring crocuses moss dew girl maybe hike hiking friends explore road trip trail cliff mysterious tumblr aesthetic cozy under a geometric Aztec blanket


Como irão ser as nossas manhãs, os cuidados e os carinhos para começarmos dias, longos, trabalhosos e por vezes até arrastados, mas muito determinados e sentidos? Como poderá ser o amor feito com a pessoa que nos escolheu e que reconhecemos, em contas a prestar, apenas a cada um? Como será, e tanto que já penso nisso, usarmos os nossos minutos, horas e vidas, para irmos mudando a nossa e a do outro?

Contigo ao acordar, podendo olhar-te, oferecendo o sorriso que não pareço consigo abandonar, tocando-te e sentindo que me pertences, mesmo, colando o corpo que anseia pelo teu e movendo-me para te sentir mover. Contigo ao acordar, para me dizeres o que preciso de ouvir. Contigo ao acordar, como já deveria ter sido, a saber por quem acordo e o que deve ser feito.

O que ainda nos falta e o que nunca tivemos, vai chegar, e o tempo que o tempo nos irá oferecer será o bastante para que sejamos, eu e tu, o que estaria talvez escrito em algum lugar, não me importa onde, porque chegaste e eu finalmente soube quem eras.

Hoje, para mim e certamente que para ti, os receios e as dúvidas que os assolam fazem-nos apenas encolher os ombros, porque percebemos que existem outras batalhas para travar, sempre existirão, mas nós estamos juntos, sem qualquer receio de sermos dois, cada um. Nós sentimos que a nossa luta é apenas para integrarmos tudo o resto, no amor que nos une e do qual bebemos, porque tudo deverá ter um lugar próprio, mas seremos nós a determiná-lo.

Contigo ao acordar, eu serei sempre a mulher que acreditaste ter visto!

0 comentários:

Enviar um comentário

Atualizações do Instagram

Subir